Cookies disclaimer

I agree This website or its third party tools use cookies, which are necessary to its functioning and required to achieve the purposes illustrated in the cookie policy. If you want to know more or withdraw your consent to all or some of the cookies, please refer to the cookie policy. By closing this banner, scrolling this page, clicking a link or continuing to browse otherwise, you agree to the use of cookies.

Campuse.ro
Desenvolva sua placa open hardware compatível com Arduino. #CPBA2
Desenvolva sua placa open hardware compatível com Arduino. #CPBA2
Workshop: Desenvolva sua placa open hardware compatível com Arduino. #CPBA2 IoT
#CPBA2 #IoT #WORKSHOP
More Information
Description:

A plataforma Arduino democratizou o uso da eletrônica no mundo, permitindo que qualquer pessoa que tenha interesse em desenvolver projetos interativos de eletrônica, possa facilmente colocar sua ideia em prática. Por ser uma plataforma open source permite que qualquer pessoa faça a sua própria placa e compartilhe seus projetos com outras pessoas. Vamos conversar sobre como você pode desenvolver a sua própria placa compatível com Arduino e como compartilhar seus projetos de hardware com outras pessoas. Apresentarei alguns projetos open hardware que desenvolvi, como as placas Franzino e Franzininho, que você pode reproduzir facilmente.



Speakers:

Fabio Souza, engenheiro com experiência no desenvolvimento de projetos eletrônicos embarcados. Trabalhou com ensino técnico de eletrônica e programação. Hoje é diretor de operações do portal Embarcados, onde trabalha para levar conteúdo de eletrônica, sistemas embarcados e IoT para o Brasil. Entusiastas do movimento maker, DIY e do compartilhamento de conhecimento, publica diversos artigos sobre eletrônica e sistemas Embarcados, além de projetos open hardware. É líder do projeto Franzininho, uma placa compatível com a plataforma Arduino e mantida pela comunidade. Realiza palestras, cursos e workshops onde leva conhecimento para as pessoas de forma presencial



Level:

Beginner

Comments

Remember that to comment you must participate in the activity.

About this activity