Cookies disclaimer

I agree Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies, que são necessários para seu funcionamento e necessários para alcançar os propósitos ilustrados na política de cookies. Se quiser saber mais ou retirar o seu consentimento para todos ou alguns dos cookies, consulte a política de cookies. Ao fechar este banner, deslocando esta página, clicando em um link ou continuando a procurar de outra forma, você concorda com o uso de cookies.

Campuse.ro
PyLadies Brasil: Projetos e Experiências das comunidades brasileiras #CPBR9
PyLadies Brasil: Projetos e Experiências das comunidades brasileiras #CPBR9
Talk: PyLadies Brasil: Projetos e Experiências das comunidades brasileiras #CPBR9 Software Livre
#CPBR9 #INOVACAO #COMUNIDADES
Mais informações
Descrição:

Nessa mesa redonda teremos representantes de diversos grupos PyLadies espalhados pelo país, que compartilharão suas experiências e projetos que cada grupo tem feito na missão de ajudar mais mulheres a tornarem-se líderes e participantes ativas da comunidade Python de software livre.


IMPORTANTE: Essa atividade orgulhosamente pertence ao Conteúdo by Comunidades e não é de responsabilidade da curadoria deste palco que acontece das 10h30 às 22h50.


Palestrantes:

Ana Paula Lourenço: Entusiasta de causas sociais, Ana Paula é fundadora do PyLadies Fortaleza, se dedica a temática "Mulheres também podem fazer tecnologia" e tem se engajado em desenvolver na cidade de Fortaleza, com o apoio de comunidades de TI e o governo, ações que visem mudar a realidade deste cenário no estado cearense. Bárbara Chagas Oliveira: Graduanda em Engenharia Elétrica na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Cofundadora do PyLadies BH e apaixonada com programação. Dedica-se à temática Mulheres e Tecnologia, a fim de contribuir para tornar a área de Computação mais diversificada. Daniela Palumbo: Cursando Ciência da Computação na Unicamp, sempre foi apaixonada por tecnologia, games, quadrinhos e seriados. Aprendeu a criar sites com conteúdo da internet aos 10 anos e desde então não conseguiu mais se afastar dos códigos. Trabalhando desde 2014 com Python, percebeu que haviam poucas mulheres no mercado de trabalho - resolveu então fundar o PyLadies Campinas para incentivar o poder feminino dentro do mundo dos computadores. Juliana Karoline: Cursando Engenharia de Computação na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Cofundou o PyLadies São Carlos e vem desde então trabalhando em prol de uma comunidade Python mais diversificada. Entusiasta da Internet das Coisas, tem usado Python para trabalhar com as placas de desenvolvimento da Intel (Galileo e Edison). Salete Farias: Apaixonada pelo Debian, Cientista da Computação, professora, bailarina de Dança do Ventre, membro da WTM São Luís, Fundadora PyLadies São Luis, blogueira do GarotasCPBr, campuseira de carteirinha e ainda sobra um tempinho pra se considerar viciada em séries. Mestra em Ciência da Computação pela UFMA, Bacharel em Ciência da Computação (UFMA) e com graduação em Pedagogia (UFMA). Atua principalmente nos seguintes temas: Software Livre, REA, Softwares Educativos, Educação à distância, Mulheres e Tecnologia, Linguagens de Programação. Atualmente é professora efetiva do Instituto Federal do Maranhão - IFMA. E Coordenadora do Curso Técnico em Informática. Já palestrou em edições da Campus Party, participando ativamente no time responsável pela Área de Software Livre da CPBR6. Curadora da área na CPBR7.


Observação: O campuse.ro sincroniza com o horário do seu computador porém na Campus Party Brasil seguimos o horário de brasília em casos de dúvidas a atividade ocorrerá:
Dia 27/01
Horário: 23h00 - 23h50


Nível:

Iniciante

Comentários

Lembre-se que para comentar você deve participar da atividade.

Sobre esta atividade