Eduardo Kobra #CPBR10
Eduardo Kobra #CPBR10
Talk: Eduardo Kobra #CPBR10 Outros
#CPBR10 #FEELTHEFUTURE
More Information
Description:

Kobra nasceu no bairro do Campo Limpo, periferia de São Paulo, e o design sempre foi uma constante em sua vida. Aos 12 anos, já envolvido com meninos mais velhos e ligado à cultura Hip Hop e “pixação”, uma forma única de grafite característica das metrópoles como São Paulo e Rio de Janeiro, que ele usou para marcar clandestinamente muros do centro da cidade no final de 1980. O contato com o graffiti veio cinco anos depois. Inquieto, ele procurou melhorar suas ilustrações e começou a ter contato com a arte de paredes através de livros, além de conhecer artistas como Diego Rivera e Candido Portinari, duas de suas grandes inspirações. Seguindo os desenvolvimentos da arte urbana em São Paulo no início de 1990, ele criou o Estúdio Kobra, convergindo para uma pintura mural original e aproveitando as suas características como artista experimentador, e habilidoso pintor realista. Assim, ele desenvolve o projeto “Muros da memória”, que busca transformar a paisagem urbana através da arte e resgatar a memória da cidade. Este projeto é a síntese do seu modo peculiar de criar, através do qual ele pinta, mas também adere, interfere e sobrepõe cenas e personagens das primeiras décadas do século XX. É uma amálgama de nostalgia e modernidade, instando por meio de pinturas cenográficas, algumas vezes monumentais, das quais ele cria portais para saudosos momentos da cidade. O maior destes murais, medindo 1.000 m2 foi realizada em 2009, na Avenida 23 de Maio, em comemoração ao aniversário da cidade de São Paulo. Paralelamente ao seu trabalho com o Studio, Kobra desenvolve sua produção pessoal, com exposições no Brasil e exterior, além disso, ele está sempre pesquisando diferentes materiais e novas técnicas, tais como a pintura 3D, ou anamórfico, em pavimentos. A convite do município de São Paulo, ele fez a primeira pintura em pavimento 3D do Brasil, na Praça Patriarca, centro da cidade. Kobra também pintou vários murais em Londres, Atenas, Lyon, Los Angeles e Nova York, onde ele pintou o mural “O Beijo”, uma poderosa reinterpretação da imagem mais famosa de Alfred Eisenstein. No início de 2013, Kobra pintou um enorme mural em homenagem ao arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer, que cobre toda a lateral de um edifício de 18 andares na Avenida Paulista, em São Paulo. A obra tem atraído a atenção mundial e reverberou através de vários meios de comunicação e mídia especializada em arte de diferentes lugares ao redor do mundo. Recentemente, o artista tem viajado por todo o mundo espalhando seu estilo e a lista de cidades com obras de arte de Kobra vem aumentando rapidamente, compreendendo cidades como Moscou, Lexington, Los Angeles e também Miami, onde ele pintou seu mais recente trabalho para o Miami Art Basel. Em sua última viagem, Kobra foi para a Suécia, onde pintou o mural “Alfred Nobel” na cidade de Boras . Depois de terminar seu trabalho na Suécia , Kobra viajou para a Polônia , a convite do Forms Urban Gallery , que já havia convidado artistas de destaque como Inti, do Chile; Roa, da Bélgica e os irmãos brasileiros OsGemeos. A pintura “Rubinstein” foi feita em uma parede de 22 metros de comprimento por 22 metros de altura. Logo após, Kobra foi para a França e os EUA, onde pintou seu mais recente mural em Nova York. Kobra mantém seu estúdio na Vila Madalena, São Paulo, e seu desenvolvimento como artista, e o reconhecimento de seu nome como um dos grandes nomes da street art contemporânea vem crescendo cada vez mais. Inquieto e implacável em suas buscas criativas, Kobra é agora um fenômeno da arte nova-vanguarda brasileira que “já não” permite ser ignorado.


Level:

Beginner

Comments

Remember that to comment you must participate in the activity.

About this activity