Cookies disclaimer

I agree This website or its third party tools use cookies, which are necessary to its functioning and required to achieve the purposes illustrated in the cookie policy. If you want to know more or withdraw your consent to all or some of the cookies, please refer to the cookie policy. By closing this banner, scrolling this page, clicking a link or continuing to browse otherwise, you agree to the use of cookies.

Campuse.ro
A Revolução Tecnológica do Grafeno: o que a indústria de eletrônicos pode esperar? #CPBR11
A Revolução Tecnológica do Grafeno: o que a indústria de eletrônicos pode esperar? #CPBR11
Talk: A Revolução Tecnológica do Grafeno: o que a indústria de eletrônicos pode esperar? #CPBR11 Science
#CPBR11 #STEAM
More Information
Description:

Um material que é 200 vezes mais forte que o aço, porém flexível, sendo o melhor condutor de eletricidade que se conhece e simultaneamente transparente e extremamente leve, este é o GRAFENO. Neste seminário vamos abordar desde a descoberta do grafeno, as propriedades diferenciadas deste material e como ele já vem causando uma revolução na indústria de eletrônicos, no desenvolvimento de dispositivos mais resistentes, flexíveis, leves e portáteis, características desejadas em wearable devices.



Speakers:

Cecília de Carvalho Castro e Silva possui graduação em Química pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), Mestrado (2011) e Doutorado (2015) em Química pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Durante seu doutorado, realizou um estágio sanduíche na Rutgers University, Nova Jersey, EUA (2013-2014). Desde 2011 vem trabalhando com o emprego do grafeno e outros nanomateriais para o desenvolvimento de dispositivos eletrônicos. Desenvolveu um sensor a base de grafeno que pode ser empregado para a detecção precoce do câncer de mama. No ano de 2016 integrou a lista da revista Forbes Brasil dos 30 jovens mais promissores do Brasil abaixo dos 30 anos. Desde 2016 é professora e pesquisadora no Centro de Pesquisas Avançadas em Grafeno, Nanomateriais e Nanotecnologias (MackGraphe) da Universidade Presbiteriana Mackenzie, SP. Os interesses e objetivos de pesquisa de Cecília são utilizar o grafeno e outros nanomateriais no desenvolvimento de dispositivos flexíveis e portáteis de alto desempenho para sensoriamento, geração, conversão e armazenamento de energia.



Level:

Beginner

Comments

Remember that to comment you must participate in the activity.

About this activity