Cookies disclaimer

I agree Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies, que são necessários para seu funcionamento e necessários para alcançar os propósitos ilustrados na política de cookies. Se quiser saber mais ou retirar o seu consentimento para todos ou alguns dos cookies, consulte a política de cookies. Ao fechar este banner, deslocando esta página, clicando em um link ou continuando a procurar de outra forma, você concorda com o uso de cookies.

Campuse.ro
Pseudociência, negacionismo e outras formas de desinformação científica que circulam pelas redes sociais #CPMG3
Pseudociência, negacionismo e outras formas de desinformação científica que circulam pelas redes sociais #CPMG3
Talk: Pseudociência, negacionismo e outras formas de desinformação científica que circulam pelas redes sociais #CPMG3 Outros
Mais informações
Descrição:

Redes sociais são um campo fértil para a propagação de informação e as "fake news" podem ter impactos significativos (e negativos) na sociedade. E quando a informação falsa é relacionada à ciência? A ciência não tem resposta para tudo, o que é natural: responder perguntas sem resposta é um objetivo das pesquisas científicas. No entanto, alguns assuntos já possuem respostas fundamentadas, testadas e verificadas, mas determinados grupos preferem ignorá-las. Nesse contexto, surgem as pseudociências, que se aproveitam de argumentos que podem soar como científicos, embora não sejam; o negacionismo, negações em massa de acontecimentos históricos ou conhecimento científico em favor de mentiras mais confortáveis, além de diversas informações que contradizem o conhecimento científico da sociedade. A apresentação fará um panorama dos principais assuntos que podem ser científicos ou não que circulam nas redes sociais. A terra é plana? Vacinas funcionam? A posição dos astros no momento do nosso nascimento interfere na nossa personalidade? Vamos ver o que a ciência tem a dizer sobre isso.



Palestrantes:

Gregório Fonseca



Gregório Fonseca é o chato que corrige todo mundo com argumentos baseados em fatos, dados e ciência, mesmo que isso possa render atritos familiares e conflitos com seus amigos. Atualmente cursa doutorado em Comunicação Social na UFMG, onde pesquisa a disseminação e debate de desinformação científica nas plataformas de mídias sociais e possui Pós-Graduação em Comunicação e Jornalismo na Universidade de Araraquara. Sua formação multidisciplinar engloba uma graduação em Engenharia Elétrica pela UFMG e mestrado em Engenharia Aeronáutica no ITA. Obteve certificação executiva em gestão e liderança no Massachusetts Institute of Technology (MIT). Além disso, atua como engenheiro de software na Embraer, empresa onde trabalha há mais de dez anos.



Nível:

Iniciante

Comentários

Lembre-se que para comentar você deve participar da atividade.

Sobre esta atividade